terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Férias de verão

As férias de inverno foram a dos Reencontros
Essa foi das Despedidas.

Despedida de um monstro criado na minha cabeça
que só existia no meu mundo e recordações bonitas e leves vieram a tona.
Respeito e carinho mútuo surgiram para ocupar o lugar do monstro.

Despedida de um amor intenso, lindo e sofrido.
O ciclo fechou.
Linda despedida. Necessária. Perfeita.

Despedida de um amor puro.
De um menino e uma menina.
Das coisas mais lindas que já quis e já fiz com alguém.
De um amor incrivelmente sincero e forte.

Despedidas....

Engraçado como algumas coisas acontecem
Talvez não tão engraçado e já um pouco sério: enxergá-las assim..